Autores nacionais,  Indicações,  Misc,  Opinião

Livros e financiamento coletivo

Olá, queridos leitores ! Espero que estejam aproveitando  o tempinho chuvoso de hoje para fazer boas leituras !

O mercado não está nada bom no que concerne produtos culturais, atualmente. Todos nós vemos o grande numero de autores independentes que sofrem com isso, impedidos de publicarem seus livros pela falta de investimento das editoras. Usar recursos próprios para publicação  pode ser uma saída, mas o que fazer quando essa possibilidade não existe ?

O Financiamento coletivo torna-se, nesse momento,  uma ferramenta muito útil para trazer à vida produtos e projetos quando recursos são escassos no mercado.

Mas do que se trata exatamente esse conceito ? Financiamento coletivo , também chamado de crwodfunding, é um método de captação de recursos baseada na economia colaborativa. Isso significa que pessoas comuns, interessadas no seu projeto ou produto, vão colaborar com valores/cotas para que este seja produzido, transformado em realidade. Esse financiamento é  comumente usado em projetos sociais, e vem ganhando cada vez mais espaço na area de produção de produtos culturais, como livros, por exemplo.

Como funciona ?

Existem atualmente vairas plataformas que te permitem expor  seu projeto. No Brasil, são bastantes conhecidas a Catarse e o Kickante.  Outra plataforma é a Vakinha (vaquinha virtual), com um formato ligeiramente diferente. Nelas você mostra ao mundo o seu projeto, seu objetivo, e as pessoas interessadas  contribuirão com os recursos. Você mesmo pode determinar os valores de contribuição em forma de cotas, e para cada valor, uma recompensa deve ser oferecida aos que se engajarem.

Ultimamente, não só autores como editoras pequenas tem usado os projetos de financiamento coletivo para colocar mais livros em circulação, e impulsionar reedições de livros antigos. A relação editora-leitor é renovada, o que é especialmente importante frente a crise de redes de livraria e com o maior domínio da Amazon  no país. No financiamento coletivo de livros, editoras ou autores expoem o projeto do livro, sua pesquisa e suas metas, e os apoiadores são os próprios interessados em comprar o livro. A contribuição para com o  projeto mostra o interesse do público em possuir o material publicado.

E financiamento coletivo tem bons resultados ? SIM !

A editora Ex Machina, por exemplo, conseguiu por financiamento coletivo, reunir os contos de H.P. Lovecraft  com nova roupagem e tradução. Pode parecer fácil, mas não foi –  projeto durou 4 anos. O livro, chamado “Contos Reunidos do Mestre do horroro cósmico” rendeu bons frutos – os apoiadores cresceram e o respeito pelo trabalho feito pela editora refletiu nas vendas e no mercado.

 

Contos Reunidos H.P. Lovecraft – Editora Ex machina

 

A Editora Wish, que possui um projeto bem moderno fundado em trazer livros exclusivos e raros para o público, tem tido bastante sucesso com os financiamentos coletivos. Um deles foi a  “Coleção Áurea – Especial Contos de Fadas” , no qual se pretende trazer, sem corte ou censura, contos de fadas das mais variadas culturas. O primeiro volume, sobre contos de fadas nórdicos, arrecadou o dinheiro que precisava e ainda  interesse suficiente do público para que projeto continue com novos volumes em 2019.

 

Contos de Fada Nórdicos – Editora Wish

 

Então, da próxima vez que cruzarem com um financiamento coletivo por aí, por que não dar uma chance e conhecer o projeto e seu intuito? Pode ser que você descubra joias literárias à espera de uma oportunidade ! Se você é autor independente, existem varios sites e guias de financiamento disponíveis online que podem te ajudar na publicação do seu livro.  Com pesquisa, dedicação e a plataforma certa, a publicação é possivel. Não desista!

Like & Follow :

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *